Voltar ao Yoga
São reconhecidos 84.000 asanas, sendo 84 mais importantes, 32 fundamentais e 7 elementais. A maioria dos asanas estão associados a animais, aspectos da natureza e símbolos. O Gheranda Samhita emprega 32 asanas e 25 mudras incluindo fechamentos ou compressões chamadas bandhas.
O conceito de asana do Hatha Yoga é diferente do conceito fornecido pelos Yoga Sutras - Texto sobre Raja-Yoga ou Yoga meditativo.
No Hatha Yoga o Asana deve ser aplicado com determinado objetivo de forma a não causar lesão, respeitando os limites do praticante.
De uma forma geral o Hatha Yoga se mostrou para nós ocidentais como um Yoga terapêutico que visa manter a saúde do praticante ou recuperá-la. Desta forma, todas as posturas são expostas com seu efeito no físico, que é devido em primeiro lugar aos massageamentos dos orgãos internos e efeito circulatório.
Através desses massageamentos e ativação circulatória todo o corpo é afetado positivamente, equilibrando e melhorando a função de todos os sistemas (respiratório, circulatório, nervoso, muscular, articular, endócrino, exócrino, de reprodução, digestivo, de excreção e urinário).

Efeito muscular, ósseo e articular:

Os asanas do Hatha Yoga são utilizados como terapêutica para várias doenças e para a correção postural.

Correção Postural:

A correção postural é essencial para a saúde em geral, assim como para a correta energização dos chakras e para a subida da Kundaliní.

Desvios:

O tamanho das pernas e a posição da bacia influenciam toda a postura. Portanto, a correção postural começa com a correção da bacia. Após é necessário um correto balanceamento muscular (músculos antagonistas com a mesma força e tônus).

Os ossos também são beneficiados pelos movimentos. Sabemos que para evitar a osteoporose o exercício é fundamental (juntamente com a alimentação rica em cálcio). A movimentação óssea também é importante para a circulação, porque é na medula óssea de alguns ossos que é produzido o sangue.


Efeito Circulatório

Músculos são massageados pela alternância de contração e alongamento citados anteriormente. Na contração o músculo se enche de sangue e no alongamento o músculo é esvaziado de sangue, esta alternância faz renovar completamente a circulação no músculo.
Nos orgãos as pressões e as descompressões estimulam a circulação e o funcionamento dos orgãos e glândulas.


Efeito Respiratório

Os asanas estimulam a respiração diferenciada. Alguns asanas favorecem a respiração abdominal, outros a respiração torácica e outros a clavicular, e ainda respiração em um ou outro pulmão nas diferentes fases respiratórias. Todas estas variações vão favorecer a respiração completa. As pessoas em geral respiram mal e usam somente 1/3 da capacidade pulmonar.


Efeito nos orgãos Digestivos, de Excreção, Reprodução e Glândulas

Da mesma forma como nos músculos, com pressões e descompressões, a circulação é ativada regulando a função destes. A circulação nestes órgãos também é ativada pelo efeito da gravidade.


Efeito no Sistema Nervoso

Ocorre que quando o músculo relaxa o sistema nervoso também relaxa. A respiração e a circulação também tem um grande efeito no sistema Nervoso. Quando o sangue está alcalino (com mais oxigênio) o sistema nervoso parassimpático é ativado, relaxando. Quando o sangue está saturado com gás carbônico, e conseqüêntemente com produtos catabólicos retidos, o sistema nervoso simpático é ativado. Nossa geração estressada é Simpático tônica.